Notícias

  • Estudo recente sobre a atividade em Montes Claros - MG.

    Leia mais...  
  • Estudo dos Tremores de Terra em Montes Claros, MG.

    Leia mais...  
  • Terremoto em Suncho Corral, Argentina, é sentido no Brasil

    Leia mais...  
  •  

     

Instrumentos históricos da Sismologia

Imprimir

China 132 D.C. - Sismoscópio Primeiro instrumento conhecido para detectar terremotos.

Itália - 1751 Um pêndulo suspenso marcava na areia, através de um estilete, o movimento do terremoto.

Século XIX - O mercúrio, contido na bandeja de madeira, escorria por um dos orifícios dando idéia da direção e da força do terremoto.

1880 - Sismógrafo de 3 componentes. Estiletes traçavam sobre o vidro enfumaçado a movimentação das 3 componentes deste sismógrafo. O aparato com a mola longa registrava a componente vertical, enquanto o par de estiletes a direita registrava as componentes horizontais. O disco enfumaçado girava a uma velocidade constante e o relógio indicava o intervalo de tempo desde o primeiro choque.

1917 - Sismógrafo portátil, que foi utilizado para registrar explosões durante prospecções de ouro. As oscilações do pêndulo existente no tubo à direita movimentava um espelho na parte superior, que refletia um feixe luminoso em direção ao registrador com papel fotográfico (direita).

1899 - Sismógrafo com sistema fotográfico de registro. Era o mais preciso de sua época. Um feixe de luz, de uma lâmpada situada no registrador (esquerda), incidia sobre um pequeno espelho montado sobre o pêndulo horizontal (direita). Durante o terremoto o movimento do traço de luz era gravado sobre o papel fotográfico contido.

pelicula1